Aula 03

AULA 3

 

Assunto: A PARÁBOLA DO JOIO E DO TRIGO

Textos: Mateus 13:24-30 e 36-43

 

Introdução

O ensino do Senhor Jesus para seus servos é o mesmo para nós hoje, porque a Palavra do Senhor Jesus é eterna, não muda.

Nos estudos que teremos em outubro vamos ver como o Senhor trabalhava para deixar seu ensino aos seus servos. Ele é o grande evangelista que cuida dos que ouvem a Sua palavra.

Mateus 13:24-30 – A parábola do joio e do trigo

(As crianças gostarão de ver um molho de trigo, que depois levarão para casa e mostrarão aos pais, etc.).

A seara é então apresentada através de uma comparação que chamamos parábola, que é uma história contada para tornar o ensino mais claro.

Jesus então falou de várias coisas. Vamos ver isto:

 

  • Falou de um campo;
  • De sementes que são semeadas;
  • De um bom semeador que planta boa semente;
  • De um mau semeador que planta má semente;
    • De um dia em que a ceifa, que é a colheita, será feita;
    • De uma ceifa especial, cujos ceifeiros serão os anjos.

Que grande Ensino!

 

  • Falou de um campo – Que campo é este que foi apresentado por Jesus?

Ele mesmo falou quando mostrou aos seus discípulos: – O campo é o mundo! Este mundo em que vivemos;

 

  • De sementes que o semeador sai semeando – A boa semente, que é o trigo. Esta boa semente é a Palavra de Deus, que nos alimenta todos os dias. Com o trigo nós fazemos pão, bolos, para alimentar nossos corpos. Jesus é o Pão do Céu que veio para nos alimentar todos os dias. Somos o trigo que Ele semeou e um dia vai nos colher.

 

  • De um bom semeador que planta boa semente – Ele o compara com a boa nova de que Jesus é o nosso Salvador, o Cordeiro de Deus que morreu para nos salvar.

 

  • De um mau semeador que planta má semente – O mau semeador é o inimigo de Deus e das nossas almas; é o mentiroso, trabalha nas trevas, no escuro.

Um dia ele entrou no Éden e enganou Eva e disse a ela que o fruto da árvore que Deus falou para eles não comerem era bom, e que não iria trazer o mal para suas vidas.

Ele disse a Eva: “Coma, que é bom!” Ela comeu e deu a seu marido. Eles comeram e logo descobriram que haviam sido enganados.

Deus teve pena deles, mas eles foram expulsos daquele lugar tão bonito.

Dormir: “Mas, dormindo os homens, veio o seu inimigo, e semeou joio no meio do trigo, e retirou-se.” Mt 13:25

Neste caso é darmos ouvidos à voz do inimigo, a velha serpente. Dormir é não darmos ouvidos à voz do nosso Pastor. Um amigo diz: Você vai muito à igreja? Todo dia? – Olha isto é bobagem! Larga disto! Vamos à balada, fumar só um pouquinho, nós crescemos, não precisamos de conselho dos nossos pais nem do pastor! Vai por aí dizendo do que ele vê de sujo na internet, dos filmes maus. Isto é joio, má semente.

Continuam a plantar joio, veja que falam que Jesus vai voltar para buscar seus servos. Que bobagem!

As palavras de Jesus são VIDA! É bom trigo.

As palavras do diabo são MORTE eterna, é joio.

Ml 3:14 fala de um povo que cansou de servir a Deus e o acusa!

Vejam o que eles dizem: “Inútil é servir a Deus” –  Isto é plantação má, do inimigo mesmo, é joio que mata!

A palavra continua falando:

Ml 3:15 – “Ora, pois temos por bem-aventurados os maus, os soberbos, os que cometem impiedade …” (roubam, desobedecem a Deus, rejeitam o sangue de Jesus).

É isto obra do inimigo e não é boa semente. É tentar a Deus;

“Não são castigados na hora do seu mal”, escapam, diz a Palavra, pensam que Deus não os vê.

  • De um dia em que a ceifa, que é a colheita, será feita:

Vejam: a colheita vem do mesmo campo, o mundo.

Jesus disse: “Deixe para colher quando crescerem e aparecerem, mostrando então a diferença. Farei a separação da má semente, os filhos das trevas, e a boa semente, os filhos do Reino.” Mt 13:30.

 

  • De uma ceifa especial, cujos ceifeiros serão os anjos – Esta veremos na próxima aula.

 

Ml 3-18 – “Então vereis outra vez a diferença entre o justo e o ímpio (injusto); entre o que serve a Deus e o que não O serve.”

Top
Leia o post anterior:
REUNIÃO DE SENHORAS 25-09-13

ASSUNTO: A IDENTIDADE DA OBRA DO ESPÍRITO SANTO TEXTO FUNDAMENTAL: I SAMUEL 17:40 1 – FALAR  DA IDENTIDADE DA OBRA...

Fechar